É preciso combater todas as formas de violência

Na manhã do último domingo (12) o mundo amanheceu estarrecido da tamanha barbárie com  a morte de pelo menos 50 pessoas durante um tiroteio numa boate gay em Orlando, nos Estados Unidos.

O número de mortos faz do ataque o mais fatal decorrente de tiroteio em massa na história daquele país. E agora, informações dão conta de que o pai do suposto atirador da Pulse (nome da boate que quer dizer pulso em inglês), afirmou em entrevista que seu filho, estava expressando “ódio” aos gays.

“A homofobia é estrutural, assim como o machismo. Ela nos permeia, sendo reflexo da nossa sociedade,  cada dia mais violenta, intolerante, desrespeitosa e perseguidora. Essa chacina da Pulse  é fruto de uma cabeça doente, mas infelizmente  não ameniza a dor. O que temos que fazer aqui é aprofundarmos a educação, o respeito no ser humano, na prevenção,  combatermos  continuamente  a violência  (sob todas as formas) e acima de tudo, fortalecermos uma cultura de paz”, disse a deputada Carmen Zanotto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s